Tags

, ,


Nem sei como começar este drama, mas acho que seria pertinente dizer que fiquei acordada ate as 7 da manhã assistindo-o sem conseguir parar. Acho que isso resume bem o post de hoje. Viciante. Flower Boys Ramyun Shop é viciante ate o episodio 11 para mim. É melhor eu ir com calma…

Quando li a sinopse imaginei um anime harém ao inverso onde haveria um pentagono amoroso com o final inconclusivo, dado que aparentemente haverá uma segunda temporada dele.

A historia gira em torno de Eun Bi e o mini-restaurante de ramen, ou miojo como é conhecido popularmente por aqui…
Como em todo o drama vemos uma mulher abandonada pelo namorado fazendo uma pequena cena, vejo isso muito nos dramas coreanos na verdade, e um homem no lugar certo e na hora certa. Essa, meus amigos, é uma ótima forma de se começar um drama. Tendo pena da personagem principal, vamos lá…

O interessante é que no drama não há um homem bonito, mas sim VÁRIOS.

Então me pergunto porque demorei tanto a vê-lo. Como em muitas vezes acabei tomando coragem para assistir ao drama após ver um video de musica, o qual é lindo por sinal. Sem contar que me apaixonei por outra banda coreana: Ft Island.

Após ver essas cenas o que uma mera mortal poderia fazer se não assisti-lo como se não houvesse amanhã? Pois foi o que fiz… Não me arrependo, mas esperava mais comédia nos capitulos finais. Sou fascinada por dramas onde conseguirem mesclar uma comedia, um tanto pastelona, com romance.. e esse conseguiu logo nos primeiros episódios.. Acabei associando-o com Best Love e para a minha surpresa.. A musica que tanto adoro tocou. Quem advinhar ganha uma bala, mas para quem não imagina… Lá vai um video:

Sem contar que quando essa musica toca no drama faz com que Best Love penetre em nossas memorias, nos dando vontade de vê-los mais uma vez, pelo menos isso aconteceu comigo rsrsrs.

Adoro as recargas deles…

Cha Chi Soo é o tipo Doumyounji, sim estou fazendo muitas referências a dramas neste post rsrsrs.

Parecidos?

Ele não sabe o que é amar, ciúmes, desprezo. Ele desconhece a maioria dos sentimentos humanos por ter sido criado por um pai afundado em tristeza amorosa.

Ao conhecer a professora brigona e temperamental Eun Bi vê sua vida mudar drasticamente, pois todo o seu charme acaba colocando-o em uma terrivel encrenca: o amor.

Primeiro contato: “Linda Pinta”.

Ele possuí 19 anos e acaba se envolvendo de uma forma nada convencional com uma mulher de 25 que almeja um futuro seguro e um homem que a ame de verdade.  Bem.. ao ler você imagina que o drama sera voltado para a problemática da idade deles, certo? ERRADO. Achei incrivel não terem “focado” nisso, pois fizeram o inverso.. Passaram por cima desse “problema” e falaram apenas da diferença entre o mundo deles, pois um era rico e o outro pobre.

O beijo TÃO esperado.

O chefe Choi..  Ele foi incrivel.. Lindo.. Carismatico… e preguiçoso.

Nunca vi alguém dormir tanto em todos os lugares possíveis rsrsrs.. Nem aparentava ter 31 anos. Ele apareceu do “nada” e logo transformou a vida de Eun Bi em um constante…. cardapio. Não entenderam? Ele mistura a vida dela junto com Chi Soo todo dia deixando-a confusa e com o sentimento de satisfação… O mesmo sentimento que uma BOA comida lhe dá quando a termina. Pela primeira vez desejei que o personagem “secundarista” ficasse com o mocinha, mas fazer o que? Adoro os garotos frios, maus e fortes como Cha Chi Soo. Mas voltando ao meigo Chefe Choi… Ele é o tipico mocinho apaixonado. Não força a mulher a se apaixonar por ele, apenas fica agindo de forma “legal” durante todo o drama, lamentando-se por ela não conseguir amá-lo. Isso resume bem ele na verdade.

O que não gostei muito foi o fato das “flores” do restaurante não terem o seu “papel” na história como eu imaginava que iria ser. Focando na vida de cada um, separadamente.

O galo louco é um personagem hilário. Ele vive atrás de Yoon Si, pois a ama, enquanto ela é fria, mas ao mesmo tempo infantil. Ela faz o tipo despreocupada ate começar a sentir ciumes do envolvimento de Eun Bi com seu galo louco.

A amiga de Eun Bi tem uma história linda, a qual resumi-se ao verdadeiro amor. Demonstrando que a pessoa certa ou destinada pode estar ao nosso lado o tempo todo.

Não sei se foi impressão minha, mas este drama fez muita apologia a outros dramas coreanos como Personal Taste (na cena da lavagem do cabelo), Kim Sam Soon (as famosas cenas românticas no banheiro) e mais alguns que não lembro-me agora… Posso apenas estar encontrando padrões nos roteiros, não sei bem, mas que ele me lembrou outros dramas… Isso lembrou com toda a certeza.

SPOILER EXTREMO
Não gostei muito do final.. Se fosse para dar uma nota seria 8,9. Não ficou claro sobre a relação do pai e Chi Soo após ele ter abandonado tudo pra ficar com Eun Bi ( isso sim foi diferente. Pela primeira vez o mocinho ficou pobre pela mocinha); O chefe Choi apenas não olha para trás seguindo o seu caminho e sua familia para trás.
FIM DO SPOILER EXTREMO
Adorei a relação entre ramen e a vida. Foi interessante perceber que a vida pode ser comparada com um prato de “macarrão”.

Ramen X vida = Realidade. (Nos dramas, é claro)
No resto do drama… Posso dizer que fiquei satisfeita, mas lembram-se que eu falei que fiquei viciada ate o episódio 11 do drama, sendo que ele tem 16? Pois bem.. o problema foi que a partir do episódio 12 a história toma outro rumo, fica mais voltada para o drama, o romance, a duvida e a insegurança. Dá para entender o motivo de todos, mas ainda assim não foi a mesma coisa.  Prefiro uma boa comédia e um romance sem muitos dramas, mas fui cativada por essas flores.
O modo como Chi Soo reagiu na descoberta do amor foi lindo, hilário e sem noção. Não tem como você não rir das observações loucas dele. A vida dele era perguntando a todo mundo, entende-se o seu amigo timido e angelical, sobre as novas sensações em seu coração.
Fiquei surpresa com o pai de Chi Soo, não imaginava que ele seria tão cruel e frio com o filho dele, quero dizer, ele não era bom pra nada no começo do drama, e no final também não, mas pelo menos aprendeu a fazer ramen, mas ao conhecer a professora estagiária Eun Bi ( a qual já havia “atacado” no banheiro feminino) começa a mudar e a se portar como humano, algo que o pai não aprova. Neste drama percebemos o quanto os homens são exagerados depois de uma desilução amorosa. A unica coisa que ele conseguiu ao fazer uma mulher gostar dele pelo dinheiro foi a tristeza dela. Que sirva de lição hein meninos?
Esse post esta demasiadamente longo, mas acho que é necessário… As ideias não estão muito organizadas devo admitir, mas… Assistam. Tenho certeza que vão adorar tanto quanto eu.
Uma palavra para essa cena: UAUUU
Sinopse:
O restaurante de ramen sofre uma mudança logo que o seu dono acaba falecendo. Em vez de deixar o seu bem mais precioso para sua filha, ele acaba deixando para o filho de um amigo seu.
Eun Bi é uma mulher determinada, forte e sincera. Ela sonha em se tornar professora e amar. Após a  morte de seu pai e o seu “fracasso” na escola Cha Sung resolve se juntar com o novo dono do restaurante a fim de fazerem ramens juntos. Mas o que pode acontecer quando um estudante secundarista, Chaeboll e lindo se apaixona por uma mulher mais velha e tem como um rival um amoroso chefe de cozinha? Ela escolherá a razão ou a emoção? O medo ou a coragem?
Onde Baixar:
Anúncios