Tags

, , ,


  • Sorry, I Love You / I’m Sorry, I Love You
  • Diretor: Kim Jong-Sik, Lee Hyeong-Min
  • Escritor: Lee Kyeong-Hee
  • Emissora: KBS2 (Episódios 16)

Após assistir Bad Guy, fiquei ávida por melodramas e sempre olhava a sinopse desse drama ficando com vontade de assistir e ao mesmo tempo com receio, pois sabia que ia chorar com ele. Sempre li comentários bem.. tristes sobre o drama, não tristes de uma forma ruim, mas triste de uma forma boa, se é que é possivel.

Acabei me surpreendendo ao saber que este drama foi escrito por: Lee Kyeong-Hee, culpada por criar histórias super instigantes como:

  • The Innocent Man | Sesang Eodiedo Eobneun Chakan Namja (KBS2 / 2012)
  • A Love to Kill | A Love to Kill (KBS2 / 2005)

Estes dramas foi o que eu já tive algum contato, e me apaixonei, e os demais dela ainda não tive a oportunidade, mas assim que eu encontrar assisto.

Acabei indo para o Youtube e o que achei? Videos e mais videos tristes de uma personagem chorando em um certo lugar. Eu olhei para o vídeo e disse: Definitivamente nunca vou ver esse drama. E o que acontece tempo depois? Comecei a assistir e pasmem.. após o primeiro episódio você, meu amigo, não consegue parar de assistir. O tempo de duração, que acho ser em média 1 hora, passa de uma forma como se fossem 10 minutos. Você não vê o tempo passar, já que a história se desenrola de uma forma unica e perfeita mostrando em como a vida de um homem muda completamente. Sim, estou falando do principal, o maravilhoso, Moo Hyuk, interpretado por Ji Sub que ficou bem conhecido pelos adoradores de drama após Master’s Sun (que vou acabar a resenha e postar aqui). Mas meu envolvimento com esse Oppa é bem mais antigo.. Sempre admirei os trabalhos deles (todos voltados pro melodrama), amo os filmes que ele faz..enfim.. Ji Sub é um dos meus Oppas, voltando ao drama..

Não tem como assistir o drama e não ser cativada pelo seu olhar tristonho, pelo seu modo de fazer vingança e pelo seu apelo a Deus.

“Eu deixarei a vingança de lado. Esquecerei toda a dor, mas faça com que Eun Chae fique comigo ate o final” (Não é exatamente assim, mas é quase isso)

Para animar a todos começarei falando sobre como ele surgiu no mundo: fruto de um romance proibido entre a sua mãe e um diretor casado, a sua mãe é atriz, ele acaba nascendo com a sua irmã. Sim, ele é gêmeo, mas ambos são abandonados no orfanato e separados em seguida. Moo Hyuk é adotado no exterior, mas logo abandonado (novamente) nas ruas pela sua familia, o que leva-o a uma vida vazia ate encontrar o seu 1º amor, entretanto a sua felicidade dura menos que um episódio, pois ela larga-o para se casar com o mafioso. E você pensa que o sofrimento dele acaba ai?

Não, não..esta apenas começando, pois no casamento dela acaba levando dois tiros tentando salva-la, e o resultado disso? Ele descobre após a cirurgia que tem pouco tempo de vida já que uma das balas não pode ser retirada, e o que acontece? A mulher para se redimir acaba dando dinheiro a ele e uma passagem para Coréia, afim de que ele vá encontrar seus pais, e bem..como ele esta sendo perseguido pela máfia acaba indo para a Coreia.

A partir daí, ele vai atrás de sua verdadeira família na Coréia e acaba descobrindo muitas coisas.. Coisas que o faz desejar se vingar: de sua mãe e de seu meio-irmão. Em meio ao seu plano de atormentar e ao mesmo tempo entender e conhecer a sua mãe, ele acaba se envolvendo com a filha de um empregado da mãe dele, e essa paixão acaba salvando ao mesmo tempo em que.. o destrói de outra forma.

As cenas do principal se redimindo, de percepção da vida são ótimas, e lindas.

O drama me agradou por inteiro? Não, o motivo? Song Eun Chae.

A mulher que deveria ser a mocinha se tornou o meu tormento. Nunca sofri tanto imaginando como matar alguém sem poder. Ela realmente me tirou do sério. Tentei me colocar na lugar dela e como tentei, mas foi em vão. Ela realmente… era de outro mundo. Totalmente sem auto-estima, vivia um amor platônico e meio impossível, infantil, cabeça dura, fazia um drama por nada e ainda pagava de madre Teresa. Esta vendo como ela me irritou? Se eu continuar a falar os defeitos dela não terminarei este post hoje, mas tudo bem vamos nos ater ao necessário.

Choi Yune, ô personagem infantil, viu? Se formos ver quem era o pior entre ele e Eun Chae, admito que ficaria na duvida. Ele é o meio irmão de Moo Hyuk, e por ser, extremamente, mimado pela sua mãe acaba não percebendo muita coisa sobre a vida.

Se me perguntarem sobre o que fala o drama, eu posso dizer que é sobre vingança, má sorte, destino e amor, pois apenas ele é capaz de redimir as pessoas. Não vou mentir, esse drama é altamente tocante.

O post esta no formato do antigo blog porquê já tinha assistido o drama a muito tempo e escrito esta resenha, só não me lembrava onde tinha salvado pra postar.

Sinopse:

Um homem marcado pela tristeza, abandono e amor, é coagido pelo destino a mudar-se ao seu local de origem, a Coreia, apos ter a mulher que ama casada com um mafioso. Moo Hyuk vê a sua vida ter sentido ao encontrar Eun Chae, a unica pessoa capaz de fazê-lo abandonar o desejo de vingança e não temer a morte, a qual se aproxima cada vez mais dele.

Onde Baixar:

 Online

AnimesXgames

Anúncios