Tags

, ,


  • Titulo: Full House / วุ่นนัก รักเต็มบ้าน / Woon nuk ruk tem barn
  • Genero: Romances/Comedy

Cast

  • Mike Pirath Nitipaisankul as Mike D.Angelo
  • Aom Sucharat Manaying as Aom-am
  • Utt Uttsada Panichkul as Guy
  • Jane Janesuda Parnto as Mintra

Bem…sinceramente eu não sei como começar ou terminar este Post, entretanto devo dizer que estou feliz em ter dado uma chance a esse drama, uma nova “versão” do clássico Full House coreano. Sabem.. eu realmente pensei que seria uma perda de tempo assistir, mas me peguei viciada desde o primeiro episódio nesse remake.

Esta versão Thai conseguiu trazer coisas que a coreana deixou a desejar. Ela trouxe um romance mais forte, romântico, mais orgulho, mais sentimento e um homem incrivelmente lindo.

A cada episódio fiquei viciada pelo modo com que conduziram esta nova versão, e achei ate mais “acreditável” que a coreana.

No lugar do ator infantil temos um cantor (uma super estrela) que consegue preservar seu orgulho naqueles momentos com a sua amada de infância, e meus amores eu admito.. surtava muito com ele sendo cool. E ele dançando… que coisa sexy  talentosa.

Agora…a história começa assim como a versão coreana.. eles se conhecem no avião, ela vomita nele e tudo mais, a diferença está que desde o primeiro instante.. ele já senti alguma coisa por ele. Sempre é mostrado os olhares de homem interessado, e isso me ganhou.

Até o personagem secundário me conquistou (esta versão é maravilhosa, acreditem) ele tinha aquele jeito americo-euro-asiático, sabem? Conquistava qualquer uma, mas obviamente escolheu a mocinha.

Para quem sente falta da Coréia e por isso não vê dramas tailandeses, não temam.. porque em muitos episódios a Coréia aparece dando o ar de sua graça, já que a lua de mel dos pombinhos é lá, a filmagem de um comercial de sorvete é lá também, o lugar para que Mike foge é pra lá.. enfim.. Não vamos sentir saudades dela. Não nesse drama.

Personagens

Mike D. Angelo

Deixe eu suspirar um pouco antes de continuar…..suspirei, pronto! Este mocinho foi maravilhoso. Ele manteve certos elementos do personagem “original”, mas conseguiu equilibrar toda a infantilidade com o elemento maturidade, e isso.. foi perfeito. Apesar de todo o seu jeito infantil e amor não correspondido por Min, ele conseguiu preservar o seu orgulho assim que ela rejeitou ele (na clássica cena do beijo na festa). A partir dai ele acabou levando Aom-Am para o mundo da loucura ao fazer um acordo com ela: a casa em troca do casamento com prazo de dois anos. Simples e prático. Até poderia se ele não começasse a admirar ela cada vez mais, e gostar de sua companhia. Tudo se conectou de forma mágica. Não teve momentos forçados, já que ele era gentil com ela, ele era humano (apresentava todas as emoções possiveis em frente de todas as situações). Ele errava e tentava consertar tudo de seu jeito, e isso acabou aproximando ele da nossa mocinha.

Aom- Am

Ela foi incrível. Tinha tudo para ser uma mocinha chata, mas conseguiu me conquistar com seu orgulho e dignidade. Toda a vez que Mike a tratava de forma desumana (como parar o carro no meio de uma pista e mandá-la sair), ela arrumava as malas e saia de casa. Sem mais. E o que acontecia? Mike ia atrás dela. (muito fofo). Gostei também dela perseguindo seu sonho de escritora (foi mais natural) sem contar que ela sendo ajudada por Guy foi lindo. Amei ele.

Na cena que todos temiam (na cena da separação) ela me conquistou novamente.

-Eu quero o divorcio – Aom -Am falou chorando ao ver Mike cozinhando para Min. – A primeira pessoa que se apaixona perde. Eu perdi.

Quer declaração melhor que essa? Ela manteve o seu orgulho e ainda disse tudo o que sentia sem dramas, sem enrolação… Foi apenas ela. Uma simples mulher que amava um astro terrivelmente lindo e sentia que nunca poderia ficar com ele, já que para ela, ele amava Min.

Guy

Nossa..ele foi um balsamo para as cenas em que Mike não aparecia. Um homem de negocios que se encanta por Aom-Am ainda na Coréia, mas que acaba ficando em segundo lugar (o que é uma pena).

Min

Uma mulher que apenas queria ter a atenção tanto de Guy quanto de Mike. Ela rejeitou Mike incontáveis vezes, mas assim que Mike decidiu “seguir em frente” ela correu para ele. (Ter sido rejeitada por Guy também ajudou muito). Um personagem que poderia não ter aparecido, iria poupar muitas complicações no drama, mas enfim..

Eles conseguiram 20 episódios de romance e magia com um pouco de comédia. Em todos os episódios eu assistia com um sorriso bobo no rosto, sabem aquele sorriso de alguém que está vendo algo extremamente fofo? Esse foi o meu. Deem uma chance a essa versão e tenho certeza que não irão se arrepender. Comecei as 22h e só consegui parar as 7:30h. Ele é viciante.

As músicas são lindas (ou melhor.. uma que sempre toca) você se apaixona meio que por osmose. Mas ela consegue interagir com a história (com o romance de Mike e Aom-Am).

Prestem atenção a cena do comercial de sorvete.. Nunca tinha imaginado uma cena como aquela. Tomar sorvete como se estivessem se beijando. Foi perfeito.

Teve algo que me deixou louca: Mike sempre deixou claro o motivo de estar ao lado de Min: Uma promessa que fez quando eram crianças. E isso que achei um pouco irreal. O modo como ele supervalorizou essa promessa e o modo como Min se agarrava a isso para não ficar “sozinha”.

Amei as referências que eles fizeram a dramas, as musicas que tocaram no episodio 14 (mr simple e outras).

Sinopse:

A versão Thai do drama Full House Coreano, mas com mais paixão, romance e magia. Um cantor que acaba cedendo casando com uma roteirista apenas para preservar o seu orgulho. Se vê em uma situação dificil ao começar a ficar dividido entre uma promessa e um amor.

Onde Baixar:

Vi Online – Viki

Assim que eu me senti quando acabou

Anúncios